Pai e madrasta deixam senhorio violar a filha menor para não pagarem renda

Tia da jovem fez uma denúncia às autoridades. Caso aconteceu no Paraguai.
12.01.19

Uma rapariga de 15 anos foi abusada sexualmente pelo senhorio depois de a mãe e os pais terem permitido que isso acontecesse para não pagarem a renda da casa.

Segundo avança a imprensa internacional, a mãe, Ramona Perla, e o padrasto, Julián Agripino, foram detidos pelas autoridades e o proprietário da casa está a ser investigado devido a várias acusações de violação de menores. 

As agressões sexuais à menor foram autorizadas tanto pela mãe, de 37 anos, como pelo padrasto, de 65. 

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!