Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Pai falsifica testes de ADN para não pagar pensão de alimentos dos dois filhos

Pediu a amigo amostra de ADN para que teste desse negativo.
Correio da Manhã 16 de Setembro de 2020 às 14:38
Teste de ADN
Teste de ADN FOTO: Getty Images

Um homem com 39 anos falsificou os testes de ADN dos dois filhos para evitar ter de pagar a pensão de alimentos das crianças. 

Steven Dixon, pediu a um amigo que lhe desse uma amostra de ADN para substituir pela sua e assim o teste de paternidade dar negativo.

Quando as mães dos dois jovens disseram aos serviços sociais que tinham a certeza de que Steven era o pai, foi aberta uma investigação.

Um segundo teste de ADN feito aos dois meninos determinou que estes eram meios-irmãos, o que reforçou as afirmações das duas mães. 

Após uma longa investigação, Dixon ficou sob custódia e uma segunda amostra de ADN provou que, afinal, este era mesmo pai das crianças. 

Foi condenado a 18 meses de cadeia por fraude.

Steven Dixon ADN questões sociais crime lei e justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)