Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Países mais ricos já reservaram metade das futuras doses de vacinas contra a Covid-19

Em maio, os EUA assinaram vários contratos para garantir a produção e entrega de vacinas.
Lusa 17 de Setembro de 2020 às 08:36
coronavírus, vacina
coronavírus, vacina FOTO: Reuters
Um grupo de países ricos, que representam 13% da população mundial, já adquiriu metade das futuras doses de vacina contra a covid-19 em estudo, indicou um relatório da organização não-governamental (ONG) Oxfam.

O objetivo destes países, que incluem os Estados Unidos (EUA), Reino Unido, UE e Japão, é garantir o fornecimento junto de múltiplos concorrentes, na esperança de que pelo menos uma das vacinas em estudo se revele eficaz, uma política que agrava as dificuldades que a maior parte da população mundial terá para conseguir vacinas, de acordo com o relatório, divulgado na quarta-feira.

Em maio, os EUA assinaram vários contratos para garantir a produção e entrega de vacinas, caso os ensaios clínicos em curso sejam bem sucedidos, já a partir de outubro, podendo ser distribuídas no prazo de 24 horas, após autorização sanitária.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
ONG Oxfam EUA vacina Covid-19
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)