Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Palin em guerra com assessores

"Ela é exactamente o que Washington precisa." Foi desta forma que o candidato republicano John McCain defendeu, em entrevista à NBC, a companheira de candidatura, Sarah Palin, acusada por assessores de campanha de ser "uma diva que não aceita conselhos de ninguém".

27 de Outubro de 2008 às 00:30
Apesar das declarações públicas, as relações entre McCain e Palin já foram melhores
Apesar das declarações públicas, as relações entre McCain e Palin já foram melhores FOTO: Brian Snyder, Reuters

'Não tenho de a defender, tenho de a elogiar', continuou McCain, considerando a governadora do Alasca alguém 'com mais experiência executiva do que Joe Biden e Barack Obama juntos'.

As declarações surgem numa altura em que as tensões na campanha republicana são tão intensas que chegaram à imprensa. Em declarações à CNN, assessores de McCain manifestaram frustração com Palin: 'É uma diva e não aceita conselhos de ninguém, nem da família.' Em resposta, os assessores directos da governadora acusam Steve Schmidt e Nicole Wallace, dois dos principais conselheiros de McCain, de tentarem culpar a candidata à vice-presidência pelo fiasco da campanha.

As divisões terão surgido depois de Palin criticar a decisão de renunciar à batalha pelo Michigan. Depois disso, Schmidt irritou Palin na semana passada ao cortar-lhe a palavra quando esta foi interpelada por jornalistas no Colorado.

fonte anónima explicou a decisão à CNN, frisando: 'A sua falta de entendimento de questões cruciais é dramática.' Se ela tivesse sido autorizada a falar mais, explicou a mesma fonte, os estragos feitos à campanha teriam sido piores.

Seja por efeito da guerra interna ou devido aos erros da governadora, o certo é que, segundo sondagens da cadeia da ABC e do Washington Post, seis em cada dez norte-americanos consideram que Palin 'não está preparada para ser presidente' e um em cada três eleitores decidiu não votar McCain por causa da escolha da governadora para parceira de candidatura. Pelos vistos, os elogios de McCain não bastam.

Até mesmo no Alasca a popularidade de Palin parece estar em crise. O principal jornal daquele estado, o ‘Anchorage Daily News’, deu sinal disso mesmo quando ontem declarou apoio a Obama.

MCCAIN REUNIU COM PINOCHET

John McCain manteve contactos no Chile com o ditador Augusto Pinochet em 1985, revelam documentos recentemente tornados públicos. Para o investigador John Dinges, responsável pela revelação, 'é paradoxal que um candidato critique a ideia de se reunir com ditadores sem pré--condições e tenha feito exactamente o contrário'. O encontro, até hoje desconhecido, foi confirmado pela campanha republicana, que destacou, no entanto, o papel de McCain na transição do Chile para a democracia.

EUA EM NÚMEROS

105 VEZES PORTUGAL

A superfície total dos EUA, incluindo os estados não contíguos do Alasca e Hawai, soma 9 629,090 km2, o que equivale a cerca de 105 territórios de Portugal, com ilhas da Madeira e dos Açores.

33

habitantes por km2 é a densidade populacional dos EUA, onde imensos desertos e montanhas contrabalançam os 21 milhões de pessoas da região metropolitana de Nova Iorque.

36,6

anos de idade é a média global dos mais de 300 milhões de habitantes dos EUA. A maior juventude em relação a países como Portugal (média de 38,8 anos) tem a ver com uma percentagem de 20,48 com menos de 14 anos.

FECUNDIDADE

A taxa de fecundidade nos EUA, ou seja, de filhos por casal, está nos 2,08, o que assegura a sustentabilidade populacional ao contrário de Portugal, onde a taxa é de 1,40.

SONDAGENS DIA A DIA

RASMUSSEN REPORTS

Barack Obama: 52%

John McCain: 44%

REUTERS/C-SPAN/ZOGBY

Barack Obama: 49%

John McCain: 44%

GALLUP TRADITIONAL

Barack Obama: 51%

John McCain: 44%

CBS NEWS / NY TIMES

Barack Obama: 52%

John McCain: 39%

A CAMPANHA NA TV

CBS DIZ QUE PALIN PAGA

Numa reportagem sobre as despesas com Sarah Palin, o porta-voz de McCain afirmou que 'um terço dos 150 mil dólares avançados à candidata para comprar roupa já foi devolvido.

ROVE OPTIMISTA NA FOX

No comentário de campanha Karl Rove destacou que as sondagens viraram há três dias.

O QUE DIZ A IMPRENSA

'O sistema financeiro americano é vítima de décadas de desregulação republicana e de políticas antifiscais.' - ‘The New York Times’

'O estado do Ohio votará na caixa do dinheiro e não na cor.' - ‘The Sunday Telegraph’

'Nós não somos porcos, somos americanos seriamente preocupados com o nosso futuro económico. Mas os tempos estão a mudar.' - ‘The Chicago Tribune’

AS FRASES

'Todos nós temos algumas coisas fundamentais em comum.' - Michelle Obama, mulher de Barack

'Não sei se lhe devemos chamar terroristas.' - Sarah Palin, Candidata republica 

'Ela não precisa que alguém a defenda.' - John McCain sobre a sua vice 

'EUA PRECISAM DE OUTRO PRESIDENTE À BILL CLINTON' (Augusto Costa)

'Para mim, nenhum dos dois satisfaz. Do que os EUA precisam é de outro presidente à Bill Clinton', diz Augusto Costa, imigrante radicado há 31 anos na Florida, onde preside ao Clube Português de Palm Coast.

Experiente de algumas crises económicas, em que sempre conseguiu levantar a cabeça no seu negócio de venda de automóveis, Augusto Costa não confia em qualquer dos candidatos para resolver os problemas: 'Esta crise devia ter sido evitada há quatro anos com a não-reeleição de George W. Bush, que gastou triliões de dólares numa guerra no Iraque sem pés nem cabeça. Agora, a gasolina está cara e as pessoas evitam comprar automóveis ou fazer outros gastos. Está tudo muito diferente dos tempos do presidente Bill Clinton, quando havia trabalho para todos, tinha-se dinheiro e vivia-se, como se costuma dizer, à grande e à francesa.'

Quanto a previsões, Augusto Costa acha que o eleito será Barack Obama. O facto não o entusiasma. De resto, também não se sente empolgado com a política.

'Na Florida, há sete ou oito clubes portugueses, o maior dos quais é o de Palm Coast, que abre todos os dias e tem escola de Português, mas não sei de nenhum candidato luso-americano ao que quer que seja. Não estamos em Newark, nem nas cidades do Massachusetts, onde se trata de assuntos no City Hall (câmara) a falar em português.'

PERFIL

Augusto costa, de 47 anos, nasceu em Mangualde, na Beira Alta, e foi muito jovem, em 1977, para os EUA. Hoje gere um negócio de automóveis em Palm Coast, próximo de Daytona Bea-ch, famosa pelo seu autódromo. Tem duas filhas, Meagan e Deidre, a estudar na universidade.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)