Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Paquistão: Bomba mata barbeiro

Uma bomba explodiu esta quinta-feira diante de uma barbearia em Karak, na região noroeste do Paquistão, matando o proprietário. Um autarca local afirmou que se tratou de uma acção punitiva dos rebeles talibã pelo facto de a vítima fazer a barba a clientes.
11 de Outubro de 2007 às 08:38
O artefacto explodiu quando o barbeiro abriu um saco que fora abandionado diante da sua loja. Horas antes, já outra bomba tinha danificado duas lojas de música no bazar de Karak.
Cortar a barba e ouvir música são práticas consideradas ofensivas pelos rebeldes talibã.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)