Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Paquistão encerra espaço aéreo após tensões com a Índia em Caxemira

Um piloto indiano foi detido em terra pelos militares paquistaneses esta quarta-feira.
27 de Fevereiro de 2019 às 10:17
Paquistão diz ter abatido dois aviões indianos dentro do seu espaço aéreo
Paquistão diz ter abatido dois aviões indianos dentro do seu espaço aéreo
Paquistão diz que caças indianos entraram no seu território e lançaram bombas
Paquistão diz que caças indianos entraram no seu território e lançaram bombas
Paquistão diz ter abatido dois aviões indianos dentro do seu espaço aéreo
Paquistão diz ter abatido dois aviões indianos dentro do seu espaço aéreo
Paquistão diz que caças indianos entraram no seu território e lançaram bombas
Paquistão diz que caças indianos entraram no seu território e lançaram bombas
Paquistão diz ter abatido dois aviões indianos dentro do seu espaço aéreo
Paquistão diz ter abatido dois aviões indianos dentro do seu espaço aéreo
Paquistão diz que caças indianos entraram no seu território e lançaram bombas
Paquistão diz que caças indianos entraram no seu território e lançaram bombas
O Paquistão encerrou esta quarta-feira o seu espaço aéreo a voos comerciais, garante fonte de controlo de tráfego aéreo europeu. A razão do encerramento deve-se à escalada de tensão entre o Paquistão e a Índia. 

As autoridades paquistanesas confirmaram esta quarta-feira de manhã que dois jatos da Índia foram abatidos.

"A força aérea abateu dois aviões indianos no espaço aéreo paquistanês. Um dos aviões caiu na Caxemira indiana e o outro na Caxemira paquistanesa", indicou o general Asif Ghafoor, na rede social twitter.

"Um piloto indiano foi detido em terra pelos militares", acrescentou.

As tensões continuam a aumentar desde que um ataque suicida, da autoria de paquistaneses extremistas, fez vários mortos numa zona de Caxemira controlada pela Índia. 
Índia Paquistão Caxemira política diplomacia relações internacionais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)