Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Paquistão muda localização de armas nucleares

O Paquistão mudou a localização das suas armas nucleares para escapar ao escrutínio dos serviços de informações dos Estados Unidos, noticiaram hoje duas revistas norte-americanas.
4 de Novembro de 2011 às 21:10

A Atlantic e a National Journal dizem que a decisão do exército paquistanês foi tomada depois da operação de forças especiais dos Estados Unidos em 2 de Maio deste ano, conduzida sem o conhecimento do governo de Islamabad, em que o líder da Al-Qaeda, Osama bin Laden, foi morto.   

As revistas adiantam, num trabalho de investigação conjunto intitulado ‘O aliado dos infernos’, que a iniciativa do Paquistão aumenta o risco de material nuclear cair nas mãos de islamistas radicais.  

De acordo com as duas publicações, a operação contra Bin Laden reforçou receios entre as altas esferas militares do Paquistão de que os Estados Unidos pudessem eventualmente vir a apoderar-se do arsenal nuclear paquistanês para que não viesse a cair nas mãos de radicais.  

O general na reserva Khalid Kidwai, que chefia a divisão de Planeamento Estratégico das forças armadas do Paquistão, responsável pela segurança do armamento nuclear, ordenou a dispersão por vários locais do país de componentes e materiais sensíveis, mas que não foram transportados em veículos blindados em caravanas seguras, mas em camiões vulgares através das estradas congestionadas do país, refere a investigação das duas revistas, que citam "múltiplas fontes"  no Paquistão.  

A Atlantic e a National Journal adiantam que o comando das operações especiais das forças armadas dos Estados Unidos, o "Joint Special Operations Command" (JSOC), há vários anos que treina equipas para uma eventual operação contra instalações do arsenal nuclear paquistanês no caso de o governo central do Paquistão perder o controlo da situação no país.  

paquistão islamabad armas nucleares eua
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)