Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Pianista queria ser milionário

Em mais uma revelação da ‘novela’ que dá pelo nome de ‘Homem do piano’, afinal o excêntrico alemão Andreas Grassi queria ‘apenas’ ser famoso e milionário. A fama conseguiu-a. Quanto à riqueza, sabe-se agora que terá pedido ajuda ao popular cantor pop britânico Robbie Williams e a Bill Gates.
29 de Agosto de 2005 às 00:00
O excêntrico Andreas Grassi
O excêntrico Andreas Grassi FOTO: Mike Gunil/Epa
Segundo o jornal ‘The Sunday Times’, Grassi, que em Abril foi encontrado a vaguear numa praia inglesa e durante quatro meses não pronunciou uma única palavra, recorreu a Williams e a outras figuras públicas para concretizar o sonho. Entre os que foram contemplados com o pedido de ajuda por parte do ‘pianista’ está ainda, (pois claro!), o magnata Bill Gates. Ainda de acordo com o jornal, Grassi tentou também participar em programas televisivos.
O jovem, de 20 anos, era obcecado pelo ‘estrelato’ e, num jornal regional em que colaborou, escreveu mesmo que “adoraria ser milionário”. Segundo o seu advogado, Grassi sofre de problemas mentais.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)