Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

PM iraquiano avança com ultimato

O primeiro-ministro iraquiano, Nouri al-Maliki, lançou esta quarta-feira um ultimato às milícias xiitas leais ao clérigo Moqtada al-Sadr que se encontram na cidade de Bassorá, no sul do Iraque, para entregarem as armas num prazo de 72 horas ou enfrentarem “severas punições”.
26 de Março de 2008 às 09:16
Reuters
Reuters FOTO: Confrontos em Bassorá já causaram mais de 40 mortos

Terça-feira, as forças de segurança iraquianas e as tropas norte-americanas lançaram uma operação em grande escala contra as milícias xiitas em Bassorá, que já causou pelo menos 40 mortos e cerca de duas centenas de feridos.

De acordo com informação avançada por uma fonte oficial iraquiana, as milícias do Exército de Mehdi, leais a Moqtada al-Sadr, tentaram assumir o controlo de vários sectores de Bassorá, a segunda maior cidade iraquiana e um importante centro petrolífero.

Na capital iraquiana, Bagdad, registaram-se também esta quarta-feira confrontos entre as forças de segurança e as milícias xiitas no bairro de Sadr City, que causaram pelo menos 14 mortos e mais de 140 feridos, segundo informaram fontes hospitalares.

 

      

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)