Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

PM tailandês volta ao cargo

O ex-primeiro-ministro (PM) tailandês, Samak Sundaravej, aceitou esta quarta-feira a proposta do seu partido para voltar a assumir o cargo, do qual o Tribunal Constitucional o tinha destituído.
10 de Setembro de 2008 às 08:13
Sundaravej volta a assumir o cargo
Sundaravej volta a assumir o cargo FOTO: d.r

O Tribunal considerou que Sundaravej, ao apresentar um programa de televisão, estava a desrespeitar a Constituição, que impede os membros do governo de trabalharem em empresas privadas, pelo que o demitiu do cargo de primeiro-ministro. 

Depois de conhecer a decisão do Tribunal, o dirigente do Partido do Poder Popular (PPP) realizou uma reunião na qual resolveu apoiar o líder. Segundo o partido, Sundaravej tem direito de ser designado novamente já que foi legitimamente eleito. 

Nos próximos dias vai ser realizado um plenário com vista a eleger o primeiro-ministro, ocupado agora interinamente pelo ministro da Educação, Somchai Wongsawat. 

Sundaravej tornou-se primeiro-ministro em 2006 e mesmo com os protestos para a sua demissão, já tinha afirmado que não abandonaria o posto nem dissolveria o parlamento, no entanto também tinha deixado claro que iria respeitar qualquer decisão judicial.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)