Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Polícia argelina dispersa manifestação

A polícia argelina dispersou este sábado algumas dezenas de jovens que tentaram juntar-se em duas praças do centro da cidade para uma manifestação por uma mudança de regime.
19 de Março de 2011 às 14:43

Os manifestantes foram impedidos de se juntar, primeiro na praça da  Grande Poste e depois na praça 1.º de Maio, pela polícia, destacada para  o centro da capital em grande número. Os jovens pretendiam manifestar-se em resposta a um apelo lançado através  do Facebook para que se concentrassem na praça da Grande Poste e daí marchassem até ao palácio presidencial de El Mouradi.  

Para a praça 1.º de Maio estava convocada mais uma manifestação pela Coordenação Nacional para a Mudança e a Democracia (CNCD), à semelhança de todos os sábados desde 7 de Fevereiro. Como em todas as anteriores convocações, a polícia impediu o protesto.  

Nas imediações desta praça chegou a estar meia centenas de manifestantes, número muito inferior ao dos agentes da polícia. Apesar do levantamento em Março do estado de emergência que vigorava na Argélia há 19 anos, as manifestações de rua estão proibidas em Argel desde Hunho de 2001, quando uma marcha de protesto terminou em confrontos  que fizeram oito mortos.

argélia polícia manifestação jovens praça governo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)