Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

POLÍCIA DO RIO PROMETE TRAVAR ARRASTÕES

O comandante da Polícia Militar, Hudson Aguiar, assegurou ontem que o policiamento nas praias do Leblon e Ipanema será reforçado para evitar incidentes semelhantes aos exibidos ontem pelas televisões em todo o mundo.
30 de Setembro de 2004 às 00:00
Um grupo de 50 pessoas, na sua maioria jovens adolescentes, foram filmados a roubar banhistas nas praias do Rio de Janeiro à luz do dia, sem que tivesse ocorrido intervenção policial. As imagens foram captadas por um amador que as vendeu à Rede Globo.
O comandante Aguiar desvaloriza o acontecimento, revelando que foi uma acção pontual contrariando informações segundo as quais os ‘arrastões’ – grupos de jovens reúnem-se de surpresa e avançam sobre as desprevenidas vítimas – estão a acontecer há dois meses. Mas, mesmo assim aquele responsável afirma que vão transferir o comando-móvel para as praias, reforçando a segurança do local.
A polícia pediu os vídeos à equipa da Globo para identificar os criminosos e os dois agentes que surgem nas imagens. Numa delas, uma mulher que caminha à beira-mar é cercada e lançada ao chão. Os bandidos fogem. Os dois policias aproximam-se mas ninguém é detido. Segundo testemunhas, os criminosos fazem no mínimo dez ataques por dia nesses locais.
A vice-presidente da Associação Brasileira dos Agentes de Viagem, Vera Potter, considerou o incidente lamentável para a imagem do Rio de Janeiro mas sublinhou que aquele método de furto ocorre também em outros destinos turísticos no estrangeiro. Para o secretário municipal de Turismo, Ruben Medina, a situação está a tornar-se insustentável. “Não se trata apenas do Turismo, mas da qualidade de vida de quem mora no Rio”, sublinhou aquele responsável.
Num ano em que o Brasil registou recordes históricos de turistas estrangeiros, estes ‘arrastões’ penalizam a cidade “maravilhosa” e pioram a imagem do Brasil.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)