Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Polícia do Sri Lanka caça 140 pessoas ligadas Daesh

A segurança na capital cingalesa foi redobrada e a população vive com medo de um novo massacre.
26 de Abril de 2019 às 14:11
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Expolosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Expolosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Expolosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
Explosões no Sri Lanka
A polícia do Sri Lanka está a tentar localizar 140 pessoas ligadas ao Daesh, que reivindicou a responsabilidade pelos atentados suicidas de domingo de Páscoa em igrejas e hotéis que mataram 359 pessoas, confirmou o presidente Maithripala Sirisena na sexta-feira.

Muçulmanos no Sri Lanka foram aconselhados a rezar em casa após as secretas daquele país terem alertado para possíveis ataques com carros-bomba. O Sri Lanka vive tempos de terror com medo de novos ataques.

A Embaixada dos EUA no Sri Lanka também pediu aos seus cidadãos para evitarem locais de culto após as autoridades terem confirmado que poderia haver mais ataques contra centros religiosos.

O arcebispo de Colombo, Cardeal Malcolm Ranjith, disse aos jornalistas que viu um documento de segurança interna que alertava para novos ataques contra as igrejas e que, devido a esses alertas, não haveria missas católicas este domingo naquele país.

A segurança na capital cingalesa foi redobrada e a população vive com medo de um novo massacre.

Cerca de 10 mil militares foram posicionados para realizar buscas e garantir a segurança em centros religiosos.

A polícia já deteve pelo menos 76 pessoas, incluindo estrangeiros da Síria e do Egito. O Daesh não provou que realmente estaria por trás dos ataques. No entanto, se for verdade, este seria um dos piores ataques realizados pelo grupo terrorista fora do Iraque e da Síria.

O grupo extremista divulgou na terça-feira um vídeo com oito homens, todos de rosto coberto à exceção de um, de pé sob uma bandeira negra do Daesh.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)