Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Polícia faz escolta a transporte de comida na África do Sul

Medida foi tomada para evitar os saques que se seguiram à onda de violência desencadeada pela prisão do antigo presidente Jacob Zuma, no dia 7.
Manuela Guerreiro 17 de Julho de 2021 às 09:51
Exército tem patrulhado as ruas nos últimos dias
Exército tem patrulhado as ruas nos últimos dias FOTO: ROGAN WARD / RTEUTERS
Polícia fortemente armada foi colocada nas ruas para escoltar o transporte de alimentos, medicamentos e outros bens essenciais que estão em falta na África do Sul, evitando os saques que se seguiram à onda de violência desencadeada pela prisão do antigo presidente Jacob Zuma, no dia 7.

O atual presidente sul-africano, Cyril Ramaphosa, considerou ontem que as ações de violência, saques e intimidação - que causaram mais de duas centenas de mortos - foram "instigadas, planeadas e coordenadas", em alusão aos apoiantes de Zuma. A semana de violência deixou estradas danificadas ou bloqueadas e o governo quer garantir que o abastecimento de alimentos não seja interrompido. O Exército também está na rua.

Cerca de uma centena de negócios de seis grandes empresários portugueses, do setor da alimentação e de bebidas, foram saqueados e vandalizados.
África do Sul Jacob Zuma política censura
Ver comentários