Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

POLÍCIAS MARROQUINOS OCUPAM ILHÉU ESPANHOL

Cerca de uma dezena de polícias marroquinos desembarcou, esta quinta-feira, no ilhéu de Perejil, um rochedo espanhol desabitado situado próximo de Ceuta, onde montaram uma tenda de campanha e içaram bandeiras de Marrocos.
12 de Julho de 2002 às 11:26
Rabat justificou a acção com a necessidade de estabelecer um centro de controlo no ilhéu, cuja soberania reclama, para lutar contra a emigração ilegal, o tráfico de droga e o terrorismo no estreito de Gibraltar.

O Governo de Madrid já reagiu à ocupação do ilhéu de Perejil pedindo a Rabat para repor a situação anterior, tendo classificado a acção marroquina como “grave e preocupante”.

Segundo o secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros espanhol, Miqel Nadal, as autoridades espanholas estão a actuar com “serenidade e prudência” até conhecerem os propósitos de Marrocos.

Um tratado hispano-francês datado de 1912, que delimitava a zona do Protectorado espanhol de Marrocos, não fazia qualquer referência a Perejil, mas após a formalização do Protectorado, o ilhéu ficou sob domínio espanhol.

Mais tarde, já no início dos anos noventa, Marrocos protestou por o ilhéu aparecer incluído na minuta do Estatuto de Autonomia de Ceuta preparado por Madrid, em cuja versão definitiva acabou por não figurar.

Apesar disso e do facto de Perejil se encontrar a apenas 200 metros da costa marroquina, em águas territoriais marroquinas, Espanha continua a defender que o ilhéu faz parte do seu território.

Enquanto se mantém o impasse em torno da soberania do rochedo, o Governo espanhol enviou uma patrulha da Armada e outra da Guardia Civil para a zona, face à recusa dos polícias marroquinos de abandonarem o ilhéu.

Por sua vez, Marrocos, que também não abdica da soberania sobre Perejil, alegando que o ilhéu foi libertado em 1956, após a saída do Protectorado espanhol da zona norte, mantém igualmente uma embarcação na zona.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)