Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Políticos alemães querem sesta

Alguns políticos alemães propuseram, esta quinta-feira, que se recorra à sesta, aumentando a hora de almoço, para enfrentar as temperaturas mediterrâneas que se têm feito sentir nos últimos dois meses.
27 de Julho de 2006 às 13:03
O ex-secretário geral do SPD, Klaus-Uwe Benneter, afirmou a um jornal que é a favor da medida pois acha que “a longo-prazo têm de começar a habituar-se a um clima parecido com o Sul de França”.
Por seu lado, o vice-presidente do grupo parlamentar dos Verdes, Hans Christian Stroebele, que também apoia a proposta, alega que “as pessoas podiam fazer uma sesta à tarde e depois recomeçavam o trabalho mais frescas”. O político ambientalista considera possível, no Verão, aumentar o intervalo de almoço, habitualmente entre as 12h00 e as 13h00.
Segundo os serviços meteorológicos alemães (DWD), em Offenbach, o mês de Julho foi o mais quente de sempre na Alemanha, o que tem vindo a criar vários problemas sobretudo ligados à drástica diminuição do caudal dos rios.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)