Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Portugal manifesta "firme repúdio" pela expulsão da embaixadora da UE na Venezuela

Isabel Brilhante Pedrosa estava no país desde maio de 2017.
Lusa 30 de Junho de 2020 às 16:24
Isabel Brilhante Pedrosa com o ministro venezuelano Jorge Arreaza
Maduro Venezuela
Nicolas Maduro
Isabel Brilhante Pedrosa com o ministro venezuelano Jorge Arreaza
Maduro Venezuela
Nicolas Maduro
Isabel Brilhante Pedrosa com o ministro venezuelano Jorge Arreaza
Maduro Venezuela
Nicolas Maduro
O Ministério dos Negócios Estrangeiros português manifestou esta terça-feira "firme repúdio" pela expulsão da embaixadora da União Europeia em Caracas, a portuguesa Isabel Brilhante Pedrosa, considerando que a medida não contribui para resolver a crise política na Venezuela.

"A expulsão da embaixadora da UE pelo regime de Caracas merece firme repúdio. Está muito enganado quem pensa que é com gestos destes que se ultrapassa a grave crise venezuelana", lê-se na conta oficial no Twitter do MNE.

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, expulsou na segunda-feira a embaixadora da UE, a portuguesa Isabel Brilhante Pedrosa, no país desde maio de 2017, horas depois de a União Europeia sancionar mais 11 funcionários de Caracas.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)