Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Presidente da Bolívia anuncia demissão

O presidente da Bolívia, Carlos Mesa, anunciou que vai apresentar esta segunda-feira a sua demissão ao Congresso, justificando a decisão com a onda de contestação social que na sua opinião pode levar à destruição do país.
7 de Março de 2005 às 08:52
Carlos Mesa
Carlos Mesa FOTO: Reuters
“Amanhã apresentarei a minha demissão ao presidente do Congresso da Nação, para que este possa tomar uma decisão”, revelou Mesa numa declaração dirigida ontem à nação, através da rádio e da TV.
“Não estou disposto a fazer parte de um jogo da irresponsabilidade numa comédia vergonhosa que está a levar à destruição da Bolívia”, justificou o presidente demissionário.
Durante a sua intervenção, Mesa foi particularmente crítico para com o líder do Movimento Para o Socialismo (MAS), Evo Morales, que acusou de estar a colocar o futuro do país em xeque com as constantes ameaças de cariz sindical.
Recentemente o MAS ameaçou avançar com greves e bloqueios de estradas em todo o país levadas a cabo por organizações de camponeses contra as políticas do governo.
Carlos Mesa, de 51 anos, assumiu o cargo de presidente em Outubro de 2003, após a demissão de Gonzalo Sánchez de Lozada e fuga deste para os EUA em Agosto de 2002, na sequência de uma violenta onda de protestos.
Entretanto, milhares de bolivianos saíram esta segunda-feira para as ruas da capital do país, La Paz, para tentar demover o presidente da sua intenção de apresentar a demissão.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)