Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

PRESIDENTE DO BURUNDI DEMITE VICE-PRESIDENTE

O presidente do Burundi, Domitien Ndayieye, demitiu o vice-presidente do país esta quarta-feira, acusando-o de estar a obstruir o processo de paz com vista a pôr fim a dez anos de guerra civil.
10 de Novembro de 2004 às 17:35
O afastamento de Alphonse Marie Kadege, surge no âmbito de crescentes tensões no seio do governo interino daquele país centro-africano, que está a definir um processo de paz para pôr fim ao conflito étnico que assola o território, e que opõe rebeldes de etnia Hutu e militares Tutsie.
Na passada segunda-feira, Kadege, um proeminente membro do partido Tutri, criticou a proposta de Constituição para o país, alegando que a mesma dava mais poder aos Hutu. Críticas que afectaram o presidente Ndayieye, que é Hutu.
A Constituição do Burundi deve ir a referendo a 26 de Novembro. Caso seja aprovado, o documento deverá instalar no país um poder partilhado entre Hutus e a minoria Tutsie e, assim, pôr fim à guerra civil.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)