Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Previsão aponta fim do mundo para 2019

Autor de livros de profecias não tem dúvidas que extinção da humanidade está para breve.
4 de Janeiro de 2019 às 09:52
Planeta Terra
Os 'Flat Earthers' afirmam que as imagens que mostram que o mundo é uma esfera são criadas por um computador
Planeta Terra
Planeta Terra
Planeta Terra
Planeta Terra
Os 'Flat Earthers' afirmam que as imagens que mostram que o mundo é uma esfera são criadas por um computador
Planeta Terra
Planeta Terra
Planeta Terra
Planeta Terra
Os 'Flat Earthers' afirmam que as imagens que mostram que o mundo é uma esfera são criadas por um computador
Planeta Terra
Planeta Terra
Planeta Terra

O autor de livros de profecias, David Montaigne, acredita que o mundo vai acabar e será em dezembro de 2019.

Montaigne justifica que a civilização será erradicada porque o planeta Terra vai mudar de posição, provocando desastres naturais.

Depois de já ter previsto quatro vezes que o mundo ia acabar, o autor de livros de profecias garante que 2019 será mesmo o último ano da humanidade na Terra.

Na publicação de Montaigne, incluída na nova obra: "Tempos difíceis para 2019: o fim do calendário Maia e a contagem regressiva para o Dia do Julgamento", constam várias teorias sobre o alinhamento das estrelas, que deverá acontecer dia 28 de Dezembro, uma semana após a alteração na Terra (21 de dezembro) e que corresponderá ao dia do ‘julgamento’.

Nos dias que se seguem à deslocação, a Terra sofrerá catástrofes à semelhança de terramotos, maremotos e erupções vulcânicas.

Para David não há dúvidas que a extinção da humanidade está para breve, com o culminar a dia 28 de dezembro - o dia do "juízo final". 

 

David Montaigne Dia do Julgamento Maia Terra política fim do mundo fim do planeta planeta terra 22
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)