Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Professora despedida por ter sido atriz porno

Docente de ciências fez carreira no cinema para adultos há mais de 10 anos.
Pedro Zagacho Gonçalves(pedrogoncalves@cmjornal.pt) 2 de Fevereiro de 2017 às 10:07
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos
Resa Woodward era Robyn Foster em filmes para adultos

O despedimento de uma professora de ciências do sexto ano, numa escola do Texas, EUA, está a causar polémica. Resa Woodward era docente na escola feminina Young Women’s STEAM Academy, do agrupamento de escolas de Balch Springs, em Dallas, mas foi despedida depois de a direção descobrir que a professora trabalhou como atriz pornográfica há mais de 10 anos.

Resa, hoje com 38 anos, participava em filmes para adultos sob o pseudónimo ‘Robyn Foster’ e foi estrela em mais de 16 películas. Há cerca de 3 anos foi editada uma compilação dos melhores momentos de Robyn Foster, mas a norte-americana só fez cinema pornográfico entre 2001 e 2004.

A professora está destroçada e lamenta que esteja a ser punida por algo que fez no passado. "Eu ensinava às minhas alunas sobre o empoderamento das mulheres. O mais triste é que se estas raparigas descobrem que eu estou a ser castigada por uma coisa que fiz há quase 20 anos, sobre a qual não tinha qualquer controlo e da qual tentei fugir, o que diz isso sobre empoderamento?", questiona Resa Woodward.

A professora explica ao Dallas Morining News que foi forçada a fazer filmes pornográficos quando vivia com um homem mais velho e tinha problemas económicos. "Eu nunca quis estar envolvida na pornografia", afirma.

Eventualmente, Resa conseguiu sair da indústria com algum dinheiros, que lhe permitiu acabar a faculdade e tornar-se professora. Achava que tinha deixado o passado longe, mas uma denúncia anónima e uma publicação nas redes sociais sobre a sua antiga carreira puseram-lhe o sonho de ensinar em risco.

Resa já pediu revisão do processo e espera que seja readmitida na escola.

Ver comentários