Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Iglesias sobre acordo que lhe deu vice-presidência: "É a melhor vacina contra a extrema-direita"

Primeiro-ministro espanhol assegura que acordo entre PSOE e Podemos é "para quatro anos" e "profundamente progressista".
Correio da Manhã 12 de Novembro de 2019 às 12:48
Pedro Sánchez e Pablo Iglesias
Pedro Sánchez Pablo Iglesias
Pedro Sánchez e Pablo Iglesias
Pedro Sánchez e Pablo Iglesias
Pedro Sánchez e Pablo Iglesias
Pedro Sánchez Pablo Iglesias
Pedro Sánchez e Pablo Iglesias
Pedro Sánchez e Pablo Iglesias
Pedro Sánchez e Pablo Iglesias
Pedro Sánchez Pablo Iglesias
Pedro Sánchez e Pablo Iglesias
Pedro Sánchez e Pablo Iglesias
O PSOE e o Podemos chegaram esta terça-feira a acordo para uma nova solução de governo, em Espanha. Esta coligação dá a vice-presidência a Pablo Iglesias, um fator que durante seis meses foi impossível mas que foi agora resolvido em menos de 48 horas após as eleições. 

Sánchez assumiu em conferência de imprensa que este será um "governo para quatro anos e profundamente progressista". 

O primeiro-ministro espanhol e Secretário Geral do PSOE, Pedro Sánchez, surgiu cerca das 14h30 (13h30 em Portugal continental) no Congresso dos Deputados com o líder do Podemos.

Sánchez e Iglesias assinaram um documento com as bases do pré-acordo, num texto que, segundo o El Diario, possui ideias gerais, entre as quais a impossibilidade de 
reverter os aspectos mais prejudiciais da reforma trabalhista - que ambas as partes levaram no seu programa - ou os aumentos de impostos acordados tanto pelos socialistas como pelo partido de extrema-esquerda há alguns meses.

PSOE Podemos Espanha
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)