Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Radicais islâmicos detidos em França

A Polícia francesa deteve esta terça-feira seis alegados radicais islâmicos no centro e oeste da França, incluindo um guarda prisional, no âmbito de uma investigação sobre um caso de financiamento de actividades terroristas, informou uma fonte ligada ao processo.
29 de Novembro de 2005 às 12:14
Polícia francesa lança 'caça' a radicais islâmicos
Polícia francesa lança 'caça' a radicais islâmicos FOTO: d.r.
As detenções ocorreram no seguimento de operações policiais desencadeadas no porto de Saint Malo, no noroeste da França, e nas cidades de Tours e Chateauroux, na região central do país. Entre os detidos, encontra-se um guarda da prisão de Bourges, em cuja conta bancária foram detectados importantes movimentos de fundos suspeitos, e dois antigos clérigos muçulmanos que prestavam serviço no mesmo estabelecimento prisional.
Os seis indivíduos suspeitos, com idades compreendidas entre os 27 e os 41 anos, aparentemente ligados ao movimento fundamentalista Tabligh, não ofereceram resistência às autoridades durante a detenção e buscas efectuadas às suas residências.
As investigações realizadas até ao momento, permitiram apurar que alguns dos detidos viajaram para o estrangeiro nos últimos tempos, nomeadamente para o Paquistão e Bósnia, adiantou a fonte ligada ao processo.
Desde 2002, mais de 370 extremistas islâmicos suspeitos foram detidos na França, sendo que cerca de uma centena acabou por ver confirmada a sua prisão, no âmbito da luta contra o terrorismo, de acordo com números divulgados pelo Ministério da Administração Interna francês.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)