Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Bebé recém-nascida encontrada morta com restos do cordão umbilical

As autoridades nomearam a menina de "Bebé-Pérola", uma vez que desconhecem as suas origens.
29 de Abril de 2018 às 16:10
Recém-nascida encontrada morta em Manchester
Recém-nascida encontrada morta em Manchester
Recém-nascida encontrada morta em Manchester
Recém-nascida encontrada morta em Manchester
Recém-nascida encontrada morta em Manchester
Recém-nascida encontrada morta em Manchester
Recém-nascida encontrada morta em Manchester
Recém-nascida encontrada morta em Manchester
Recém-nascida encontrada morta em Manchester

Uma bebé recém-nascida foi encontrada morta pela polícia de Manchester, no passado dia 4 de abril, numa floresta em Roch Valley Woods, naquela cidade britânica. A menina estava sem roupa, num estado decomposto e ainda mantinha parte do cordão umbilical.

"Todas as crianças são preciosas, e esta bebé que foi encontrada na floresta não é diferente, pelo contrário", afirmou o inspetor-chefe Lewis Hughes, que acredita que a mãe da criança possa ter sido vítima da prática de abuso sexual. A menina foi apelidade de 'Bebé-Pérola' pelas autoridades.

Quase um mês depois da criança ter sido encontrada, a polícia continua à procura de pistas relevantes para conseguir identificar a mãe. Neste período, são inúmeras as pessoas que foram deixando flores, cartões e até peluches em homenagem à menina. "O que é certo é que algo aconteceu a esta bebé, tenha sido fora ou dentro do útero, a bebé morreu e estava abandonada no meio da floresta."

Os testes feitos à criança indicam que possivelmente seja de etnia do leste asiático, mas o paradeiro da progenitora ainda é desconhecido.

De acordo com o jornal The Sunday Times, as autoridades britânicas registaram cerca de 50 casos de bebés abandonados desde o ano de 2000.


Manchester The Sunday Times polícia questões sociais Manchester Reino Unido bebé morta
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)