Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

No Reino Unido, se for comer fora só paga metade da conta

Medida surge como forma de ajudar os restaurantes, cafés e pubs durante pandemia de coronavírus.
SÁBADO 26 de Agosto de 2020 às 20:13

Depois de meses fechados em casa e a ter de obedecer a regras que restringiam as liberdade individuais para combater uma pandemia, era preciso dar confiança às pessoas para que voltassem à rua e retomassem o comércio. Para conseguir reforçar essa confiança o Reino Unido decidiu ajudar a ajudar a pagar as contas de bares, restaurantes e pubs.

O incentivo oferece 50% da refeição feita fora de casa num limite que atinge as 10 libras (cerca de 11 euros) por pessoa. Esta oferta é válida às segundas, terças e quartas. 

E os britânicos não se fizeram rogados e foram em força para as ruas aproveitar os descontos. Desde que o desconto surgiu, no início de agosto, foram comparticipadas 64 milhões de refeições, o que representa um custo de 336 milhões de libras (cerca de 374 milhões de euros) para o governo britânico. O total de refeições comparticipadas equivale quase a uma refeição por cada cidadão britânico (67 milhões de habitantes).

Esta forma de apoio foi essencial para a indústria da restauração, uma das mais afetadas pela pandemia. "Eles precisavam da nossa ajuda e com esta medida nós podemos todos ir comer fora e ajudar", explicou o equivalente ao ministro das finanças britânico Rishi Sunak.

Segundo a consultora CGA, depois de entrar em vigor a medida, na primeira segunda-feira, o número de refeições duplicou, comparativamente à segunda-feira anterior.

Muitos donos de restaurantes revelaram-se extremamente agradados com as medidas, mas receiam que não seja suficiente para combater os efeitos da pandemia com o aproximar do Outono. É que o mês de agosto foi particularmente agradável - para os padrões britânicos -, permitindo às pessoas comerem nas esplanadas. Várias ruas foram inclusivamente fechadas ao trânsito automóvel para permitir que as mesas fossem colocadas na rua, como aconteceu em muitas vias lisboetas. Mas o tempo frio de Outono provavelmente vai acabar com esta comodidade. Mas por enquanto, os donos de restaurantes citados por dezenas de meios de comunicação britânicos dizem-se altamente satisfeitos. 

O Reino Unido registou, desde o início da pandemia 327.798 casos de covid-19, tendo morrido 41.449 pessoas, sendo um dos países europeus mais afetados pelo vírus.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Reino Unido economia negócios e finanças bens de consumo alimentação coronavírus covid-19 pandemia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)