Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Resolução rápida para conflito no Médio Oriente

Os antigos Presidentes da República Mário Soares e Jorge Sampaio fazem parte de um grupo de 135 personalidades mundiais que assinou uma carta aberta publicada esta quarta-feira no jornal ‘Financial Times’ a exigir uma solução rápida para o conflito no Médio Oriente.
4 de Outubro de 2006 às 08:45
O ex-presidente norte- americano Jimmy Carter é um dos subscritores da carta publicada no 'Financial Times'
O ex-presidente norte- americano Jimmy Carter é um dos subscritores da carta publicada no 'Financial Times' FOTO: d.r.
O documento, que apela para uma acção internacional urgente para resolver o conflito, é subscrito pelo ex-presidente norte-americano Jimmy Carter, pelo ex-primeiro-ministro britânico John Major e pelo ex-líder soviético Mikhail Gorbachov.
Assinam também a carta aberta divulgada no ‘Financial Times’ o antigo Secretário-geral da ONU Boutros Boutros-Ghali, o Dalai Lama, o bispo sul-africano Desmond Tutu e oito galardoados com o prestigiado Prémio Nobel da Paz, entre outros entre antigos líderes, diplomatas e chefes religiosos.
Os subscritores da missiva alegam que “todas as partes intervenientes no conflito perdem, à excepção dos extremistas em todo o Mundo, que prosperam graças ao ódio que continuam a disseminar", sublinhando que “a cada dia que passa, torna-se mais sombria a perspectiva de uma solução pacífica e durável".
Alertando para o facto de o conflito provocar a instabilidade e a violência na região e fora dela, os subscritores da carta defendem que os fins a atingir devem ser “a segurança e o reconhecimento pleno do estado de Israel, com as fronteiras reconhecidas, o fim da ocupação do território palestiniano, com a criação de um Estado soberano, independente e viável, e a devolução à Síria do seu território perdido" no conflito com Israel.
Para tentar encontrar soluções viáveis, os subscritores do documento pedem a convocação, com a máxima urgência, de uma nova conferência internacional, em que participem os actores mais importantes do conflito no Médio Oriente, para pôr em marcha “negociações detalhadas sobre um acordo de paz global”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)