Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Restos mortais de homem desaparecido há 22 anos encontrados graças ao Google Earth

Desde 1997 que não havia pistas sobre o que aconteceu a Moldt.
Correio da Manhã 13 de Setembro de 2019 às 09:09
Imagem do Google Earth mostra carro no interior de um lago
Imagem do Google Earth mostra carro no interior de um lago
Imagem do Google Earth mostra carro no interior de um lago
Imagem do Google Earth mostra carro no interior de um lago
Imagem do Google Earth mostra carro no interior de um lago
Imagem do Google Earth mostra carro no interior de um lago
A família de William Moldt esteve mais de duas décadas sem respostas às pergutnas. Moldt, de 40 anos, desapareceu em Palm Beach, na Florida, a 7 de novembro de 1997.

Ligou à namorada de um telefone de um bar a dizer que estava quase a ir para casa, segundo avança a CNN. Ao que tudo indica, o homem foi visto a sair do bar, sozinho e a entrar no carro. A partir desse momento, nunca mais foi visto.

Foi um morador do bairro de Wellington, na Flórida, que ao pesquisar no Google Earth se apercebeu de algo errado. O homem notou que dentro de um lago estava a imagem de um carro.

"O atual morador ligou o seu drone pessoal e confirmou o que o morador anterior viu e imediatamente contatou as autoridades", confirmou a polícia.

O carro "estava fortemente calcificado" e no seu interior estavam restos mortais.

O Instituto de Medicina Leagl confirmou, esta terça-feira, que se tratava de Moldt.
Florida Google Earth Palm Beach William Moldt
Ver comentários