Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Reveladas cartas de Diana a Dodi

Excertos de cartas escritas pela princesa Diana de Gales ao amante Dodi Al-Fayed foram divulgados em mais uma sessão do inquérito à morte de ambos, a 31 de Agosto de 1997.
15 de Dezembro de 2007 às 00:00
Numa das cartas a Dodi, enviada no dia 13 do fatídico mês, a princesa referiu-se a um presente oferecido a Dodi – botões de punho que pertenceram ao pai. “Querido Dodi, estes botões de punho foram a derradeira oferta que recebi do homem que mais amei no Mundo: o meu pai. Ofereço-os a ti, sabendo quanta satisfação ele teria ao tomar conhecimento de que estariam em mãos tão seguras e especiais. Com muito amor, Diana”.
Noutra missiva, enviada dias antes (a 6 de Agosto), do Palácio de Kensignton, Diana agradeceu a Dodi seis dias de férias passados a bordo do seu iate. Escreveu a princesa: “Com todo o amor do Mundo e mil agradecimentos por teres trazido tanta alegria à minha vida”.
Ainda durante o inquérito, Rosa Monckton, amiga íntima da princesa, afirmou que Diana e Dodi não estavam prestes a casar, o que desmente uma notícia recente publicada. Rosa, que chegou a chorar ao ser interrogada, acrescentou que Diana não estava grávida quando morreu.
Recorde-se que o júri do inquérito já havia examinado excertos de cartas trocadas, em 1992, por Diana e pelo duque de Edimburgo. O príncipe Philip chegou a escrever estar preparado para ajudar Diana no casamento com Carlos, o qual passava por um período de crise. A princesa respondeu à carta, manifestando a sua gratidão.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)