Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Ruptura de diques obriga milhares a abandonar casas

Perto de 10 mil pessoas foram evacuadas em várias localidades romenas situadas junto ao Danúbio, depois de terem rebentado dois diques numa altura em que o rio registou o maior aumento de nível dos últimos 11 anos.
25 de Abril de 2006 às 00:00
A situação é crítica nas localidades junto ao Danúbio
A situação é crítica nas localidades junto ao Danúbio FOTO: Bogdan Cristel/Reuters
Os diques, que tinham sido construídos junto às localidades de Bistret e Dabuleni, cederam ontem de manhã, tendo as águas avançado rapidamente, ameaçando seis localidades, o que obrigou à evacuação de cerca de 9.000 pessoas.
O presidente romeno, Traian Basescu, visitou a região de Bistret e pediu às populações que obedeçam às ordens e abandonem imediatamente as suas casas.
Aproximadamente mil casas ficaram inundadas, 227 das quais ficaram totalmente destruídas e 122 estavam ontem em risco de ruir.
Milhares de militares, bombeiros e voluntários estão a trabalhar ao longo do Danúbio para consolidar os diques. Especialistas afirmam que a situação manter-se-á crítica na Roménia pelo menos durante duas semanas.
Refira-se que a Europa Central e Sudeste estão a enfrentar cheias, que já obrigaram milhares de pessoas a abandonar as suas casas e destruíram dezenas de milhares de hectares de terra cultivada.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)