Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Rússia 'limpa' cães vadios a tempo dos Jogos Olímpicos de Inverno

Organização não quer que os animais atrapalhem a realização dos Jogos.
1 de Fevereiro de 2014 às 11:15
Os cães vadios são um problema para a organização dos Jogos Olímpicos de Inverno
Os cães vadios são um problema para a organização dos Jogos Olímpicos de Inverno FOTO: AFP

A cidade russa de Sochi, onde se vão realizar os Jogos Olímpicos de Inverno deste ano, contratou uma empresa privada, a Basia Services, para matar quantos cães vadios for possível antes da realização do evento.

Em declarações à ABC News, Alexei Sorokin, dono da empresa, descreveu os animais como "lixo biológico" e terá admitido que lhe foi atribuída a tarefa de usar veneno e armadilhas por toda a cidade para se livrar dos cães, antes que comecem a chegar os turistas e os atletas para a cerimónia de abertura, na próxima sexta-feira.

Esta notícia está a deixar em alvoroço os defensores dos direitos dos animais um pouco por todo o mundo. Esta é mais uma das polémicas que envolvem a organização dos Jogos Olímpicos de Inverno pela Rússia.

Em Moscovo, capital russa, tem havido grandes discussões entre grupos de direitos dos animais e os cidadãos considerados 'caçadores de cães', que deixam carne envenenada em parques onde costumam haver cães vadios à solta.

jogos olímpicos inverno organização cães vadios veneno matar
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)