Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Rússia: Rebelde reivindica autoria do atentado ao aeroporto

O rebelde tchetchéno Dokou Oumarov, chefe islamista do Emirado do Cáucaso, reivindicou a autoria do atentado ao aeroporto Domodedovo, em Moscovo, que fez 34 vítimas mortais e 170 feridos.

8 de Fevereiro de 2011 às 13:57
Dokou Oumarov afirma que 2011 irá ser um ano de "sangue e lágrimas"
Dokou Oumarov afirma que 2011 irá ser um ano de 'sangue e lágrimas' FOTO: DR

O ataque foi perpetrado a 24 de Janeiro pelo bombista-suicida Magomed Evloev terá sido orquestrado por Dokou Oumarov, que agora gravou um vídeo onde afirma ter agido sob o nome de Alá.

Oumarouv, que já avisara que 2011 iria ser um ano de “sangue e lágrimas”, já antes reivindicara outros ataques, como o ataque ao Metro da capital russa.

No vídeo divulgado no site Kavkazcenter, o rebelde afirma que esta “foi uma operação especial conduzida a seu pedido”, numa vingança pelas operações das forças militares russas no Cáucaso.

O tchetchéno recusa-se a negociar com o Kremlin e pretende que seja criado um Estado islamista livre no Cáucaso do Norte.

rússia aeroporto atentado bomba dokou oumarov domodedovo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)