Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Sacerdote chantageado por menor

Um padre de Bolonha (Itália) denunciou um jovem que o chantageou para não difundir um vídeo que, alegadamente, os mostra a manter relações sexuais quando o rapaz era ainda menor.
6 de Junho de 2010 às 00:30
Padre Finotti nega sexo com rapaz
Padre Finotti nega sexo com rapaz FOTO: direitos reservados

O sacerdote, Giorgio Finotti, de 69 anos, foi à polícia no passado mês de Fevereiro para denunciar o jovem, de nacionalidade romena, que tinha 17 anos quando foi gravado o vídeo. De acordo com a investigação policial, o menor (com o conhecimento do pai e da companheira deste) pediu 2000 euros ao presbítero para não difundir o vídeo, gravado com o seu telemóvel. Posteriormente, exigiu-lhe mais 500 euros, tendo Finotti recusado dar-lhe a quantia e denunciado o caso às autoridades.

O jovem, actualmente com 18 anos, é acusado de extorsão. O pai e a companheira deste estão a ser investigados pelo mesmo delito. O padre não terá qualquer responsabilidade legal, devido ao facto de, em Itália, as relações sexuais com jovens de 17 anos serem consideradas consentidas.

Ao ‘La Repubblica de Bolonha’, o clérigo nega ter feito sexo com o jovem, garantindo que, durante meses, recebeu ameaças telefónicas e chegou a encontrar uma nota sobre o altar exigindo-lhe 5000 euros. 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)