Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Sadr ameaça revolta

As forças de segurança iraquianas envolveram-se ontem em violentos confrontos com militantes do Exército de Mehdi em Bassorá e noutras cidades iraquianas, no que parece ser mais uma demonstração de força do líder radical xiita Moqtada al-Sadr, que desta vez ameaça levar a cabo uma "revolta civil" em todo país.
26 de Março de 2008 às 00:30
O Exército iraquiano (na foto) e as milícias lutam pelo controlo da cidade de Bassorá
O Exército iraquiano (na foto) e as milícias lutam pelo controlo da cidade de Bassorá FOTO: Haider Al-Assadee/Epa
Segundo fonte oficial iraquiana, as milícias do Exército de Mehdi estavam a tentar tomar o controlo de vários sectores da zona centro e norte de Bassorá, a segunda maior cidade iraquiana, tendo os combates provocado pelo menos 12 mortos e dezenas de feridos até meio da tarde de ontem. Residentes aterrorizados contaram à Reuters que havia combates nas ruas, explosões constantes e tiros por todo o lado. Foi decretado o recolher obrigatório.
A violência propagou-se rapidamente a várias cidades, incluindo Bagdad, onde as forças iraquianas e norte-americanas cercaram Sadr City, gigantesco subúrbio de cidade habitado por mais de dois milhões de pessoas e bastião de Moqtada al-Sadr.
O líder radical xiita acusa as tropas americanas e iraquianas de aproveitarem um trégua decretada pelo Exército de Mehdi em Agosto para atacar os seus militantes e anunciou segunda-feira uma campanha de "desobediência civil". Já ontem, admitiu lançar uma "revolta civil" em todo o país se as forças iraquianas não travassem os ataques contra as suas forças e ameaçou ainda com um"terceiro passo" que não quis revelar.
SOLTAS
EXÉRCITO
O Exército de Mehdi é uma milícia leal ao líder radical xiita Moqtada al-Sadr. Há meses que a milícia vem reforçando posições no Sul do Iraque para tentar controlar o petróleo.
IRÃO
O comandante das tropas dos EUA no Iraque, general David Petraeus, acusou o Irão de estar por detrás dos recentes ataques com morteiros contra a Zona Verde de Bagdad.
ESTABILIDADE
O Iraque foi considerado mais estável do que o Afeganistão pela popular revista militar ‘Jane’s’. A redução da violência e uma maior presença de tropas dos EUA são factores cruciais.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)