Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Saramago acusa Berlusconi de ser uma 'coisa' e um 'virús

O prémio Nobel da Literatura, José Saramago, chamou o primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi de “coisa que dá festas, organiza orgias e manda num país chamado Itália”. As acusações são feitas num artigo de opinião do escritor português no diário espanhol “El País”.
7 de Junho de 2009 às 11:33
José Saramago
José Saramago FOTO: d.r.

O título do artigo de Saramago é “A coisa Berlusconi” porque segundo o escritor “não vejo outro nome que lhe poderia dar”.

“Esta coisa, esta enfermidade, este vírus ameaça ser a morte moral do país de Verdi se um vómito profundo não o conseguir arrancar da consciência dos italianos, antes que o veneno acabe corroendo as veias e acabe destroçando o coração de uma das mais ricas culturas europeias.”, escreve Saramago.

Silvio Berlusconi tem estado envolvido em vários escândalos nos últimos tempos. Primeiro foi o divórcio da mulher que o acusou de de ter relacionamentos com menores. Mais recentemente o jornal espanhol “El País” publicou fotografias de uma festa na mansão  do PM Italiano  com mulheres em topless à beira da piscina e um homem nu – o antigo primeiro-ministro da República Checa.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)