Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Satélite russo cai após lançamento falhado

Um satélite de comunicações russo caiu esta sexta-feira imediatamente após o lançamento, no mais recente fracasso do programa espacial russo, que se segue a outros insucessos, no ano passado.
23 de Dezembro de 2011 às 16:47
A agência noticiosa russa RIA-Novosti disse que o satélite caiu perto da cidade de Tobolsk, na região ocidental da Sibéria
A agência noticiosa russa RIA-Novosti disse que o satélite caiu perto da cidade de Tobolsk, na região ocidental da Sibéria FOTO: d.r.

"O satélite não conseguiu entrar em órbita. Uma comissão estatal vai investigar as causas do acidente", disse o porta-voz das forças espaciais russas, Alexei Zolotukhin, citado pela agência noticiosa russa Interfax.           

O ‘Meridian’, satélite de comunicações militares e civis, "caiu em território da Sibéria" depois de ter sido lançado da base espacial de Plesetsk, devido a uma avaria no foguetão ‘Soyuz’, referiu a Interfax, citando fontes do sector.          

A agência noticiosa russa RIA-Novosti disse que o satélite caiu perto da cidade de Tobolsk, na região ocidental da Sibéria.          

O lançamento foi o quinto da série ‘Meridian’, satélites que visam criar um sistema de comunicação para os navios no Ártico e para as regiões russas da Sibéria e do Extremo Oriente do país.         

Os foguetões ‘Soyuz’ são o principal componente do programa espacial russo, há décadas e ainda são utilizados por Moscovo para lançar seres humanos para o espaço.          

O ‘Meridian’ devia ter-se separado do foguetão cerca de nove minutos após ter sido lançado, mas o ‘Soyuz’ já tinha tido outras avarias antes da separação, referiu a agência noticiosa ITAR-TASS.         

"De acordo com dados preliminares, a avaria do foguetão ocorreu antes da separação em órbita entre o satélite e o terceiro andar do foguetão", disse a ITAR-TASS, citando fontes anónimas.          

Este é o último fracasso de doze meses difíceis para o programa espacial russo que perdeu, neste período, três satélites de navegação, um satélite militar avançado, outro de telecomunicações, uma nave de abastecimento e uma sonda com destino a Marte.

rússia espaço fracasso satélite meridian
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)