Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

SCHROEDER CRITICA ELEIÇÕES NA UCRÂNIA

O chanceler alemão Gerhard Schroeder disse esta quarta-feira que as eleições presidenciais na Ucrânia demonstraram ter sido alvo de fraude e que as relações diplomáticas entre a Alemanha e a Rússia não iriam impedi-lo de criticar o escrutínio.
24 de Novembro de 2004 às 13:29
Em declarações no parlamento alemão, Schroeder disse não ter nada a “questionar sobre as afirmações dos observadores da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE), que concluíram que teve lugar na Ucrânia uma massiva fraude eleitoral”.
Schroeder é visto como um apoiante e amigo do presidente russo, Vladimir Putin, e defensor de que a amizade entre os dois países é importante para a manutenção da paz. Ainda assim, Schroeder admite que apesar dos laços, não vai deixar de criticar os erros detectados na Ucrânia.
Ver comentários