Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Schwarzenegger apanhado

A dois meses das eleições estaduais, o governador da Califórnia, o conhecido ‘Exterminador’ Arnold Schwarzenegger, foi ‘apanhado’ a fazer um elogio um tanto ‘forte’ às mulheres hispânicas, facto que a oposição democrata está a tentar explorar para conquistar votos.
14 de Setembro de 2006 às 00:00
O caso tem a ver com um ficheiro informático de áudio que chegou às mãos do ‘Los Angeles Times’. Na gravação, parcialmente divulgada pelo jornal, Schwarzenegger afirma, referindo-se à deputada republicana Bonnie Garcia e à sua origem hispânica: “São todas muito sensuais. Têm aquela mistura de sangue negro e latino que as torna escaldantes.” Schwarzenegger pediu desculpas públicas a Bonnie, que afirmou não estar ofendida e considerou que as afirmações foram retiradas do contexto.
O governador acusa a rival democrata Phil Angelides de ter roubado o ficheiro de uma área reservada do seu ‘site’ oficial, mas esta responde que estava disponível ao público. A campanha de Schwarzenegger, lembrou, no entanto, que o jornal atribuiu a descoberta a uma fonte anónima, o que não se justificaria se a gravação fosse de acesso público.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)