Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Secreta italiana subornou taliban

Em Julho do ano passado, quando tropas francesas substituíram as italianas em Sarobi, a leste de Cabul, pensavam estar numa zona relativamente tranquila. Afinal, os italianos só tinham sofrido uma baixa. Um mês depois, perderam dez homens numa emboscada. O ‘The Times’ revela agora a razão da súbita hostilidade da região: os serviços secretos italianos subornavam taliban para não os atacarem.
16 de Outubro de 2009 às 00:30
Tropas italianas no Afeganistão
Tropas italianas no Afeganistão FOTO: d.r.

Após assumirem o controlo da área, os franceses aventuraram-se nas montanhas de Sarobi, com armamento ligeiro, pois acreditavam estar numa zona calma. Mas rapidamente foram cercados pelos taliban, e o massacre só não foi maior porque, por mero acaso, forças especiais norte-americanas estavam na zona e foram em seu socorro.

Em França estas mortes causaram consternação. Mas quando  foram publicadas fotos dos corpos mutilados das vítimas e dos taliban   com armas e coletes roubados, a consternação deu lugar à revolta.  

Os subornos foram descobertos pelos americanos em Junho de 2008, através de chamadas interceptadas. O embaixador dos EUA em Roma pediu então explicações ao governo italiano, que desmentiu os pagamentos.  Agora volta a negá-los e vai processar o ‘The Times’.

Segundo o jornal, os italianos pagavam dezenas de milhares de dólares aos comandantes taliban daquela área e também aos ‘senhores de guerra’ locais.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)