Seis autarquias alemãs evacuadas após ameaças de bomba

Tanto em Augsburgo quanto em Göttingen, o transporte público foi afetado pelas operações policiais.
26.03.19
  • partilhe
  • 0
  • +

Seis autarquias na Alemanha foram evacuadas esta terça-feira após a receção simultânea de e-mails com ameaças de bomba, informou a polícia desses concelhos aos meios de comunicação locais e à agência de notícias francesa AFP.

No entanto, nenhum explosivo foi encontrado até cerca das 10h00 (horário local, 09h00 em Lisboa), de acordo com vários serviços policiais, que também não deram informações sobre as motivações do autor ou a sua identidade.

As cidades em questão são Augsburgo (sul) Rendsburg (norte), Kaiserslautern e Neunkirchen (oeste), Göttingen (centro) e Chemnitz (leste), indicou a AFP.

Tanto em Augsburgo quanto em Göttingen, o transporte público foi afetado pelas operações policiais.

Este caso acontece cerca de dez dias após os meios de comunicação alemães revelarem que um grande número de instituições e personalidades alemãs tem recebido, nos últimos meses, mensagens de intimidação com referências ao nazismo, incluindo ameaças de morte e ataques a bomba.

Esses e-mails foram assinados de várias formas como "Ofensiva Nacional-Socialista", "Wehrmacht" - o nome do exército sob o nazismo - ou "USN 2.0", em referência ao grupo terrorista neonazista NSU (Clandestinidade Nacional-Socialista).

Os e-mails foram enviados para estações de comboios, tribunais, escritórios de advocacia, jornalistas, o Conselho Central dos Judeus da Alemanha, assim como para a cantora alemã Helene Fischer, que se tinha pronunciou em setembro contra a violência contra estrangeiros.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!