Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Separatistas presos suspensos em Espanha

PSOE, PP e Cidadãos votaram pela exclusão dos deputados, Podemos votou contra.
F.J.G. 25 de Maio de 2019 às 09:24
Junqueras é um de quatro separatistas que não poderão exercer os mandatos
Oriol Junqueras
Junqueras
Junqueras é um de quatro separatistas que não poderão exercer os mandatos
Oriol Junqueras
Junqueras
Junqueras é um de quatro separatistas que não poderão exercer os mandatos
Oriol Junqueras
Junqueras
Após dois dias de debates acalorados, a Mesa do Congresso espanhol decidiu esta sexta-feira suspender de "forma automática" os quatro deputados separatistas catalães detidos.

Com os votos do PSOE, do PP e do Cidadãos, e a oposição do Podemos, ficou decidido que Oriol Junqueras, Jordi Turull, Josep Rull e Jordi Sànchez estão suspensos de todos os deveres e direitos de deputados, com efeitos retroativos desde a constituição do novo Parlamento, no dia 21 de maio.

A ERC, de Junqueras, anunciou um pedido de reconsideração da decisão, embora com escassas perspetivas de sucesso.

Meritxell Batet, a nova presidente do Congresso, admitiu que a situação é inédita mas assegurou ter feito tudo para respeitar os princípios constitucionais e os direitos dos deputados.

As suspensões vão alterar os cálculos da maioria absoluta no hemiciclo, pelo que foi encomendado um estudo para decidir como esta deve ser calculada agora.

Caso os quatro nomes se mantenham nas listas, mas sem poder votar, o primeiro-ministro Pedro Sánchez verá facilitada a obtenção de maiorias parlamentares.
Josep Rull Jordi Turull Mesa do Congresso Mesa do Congresso PSOE PP Oriol Podemos Jordi Sànchez Parlamento ERC
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)