Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Sevilha vive noite de pânico

Jovens semearam o caos durante procissões.
Ricardo Ramos 16 de Abril de 2017 às 09:22
A carregar o vídeo ...
Sevilha vive noite de pânico
Dezenas de pessoas ficaram feridas na madrugada de ontem em Sevilha, Espanha, quando grupos de jovens provocaram distúrbios durante as tradicionais procissões da Sexta-feira Santa, causando o pânico entre milhares de fiéis e turistas, que julgaram estar perante um ataque terrorista.

Segundo a polícia, os jovens bateram com barras de ferro no chão para "fazer barulhos semelhantes a tiros e explosões" e gritaram palavras como "Alá é Grande" e "ETA", com a intenção deliberada de causar o pânico.

Os incidentes ocorreram em várias partes do percurso das várias procissões que percorreram as ruas da cidade, causando o pânico e fazendo com que várias pessoas fossem espezinhadas pela multidão em fuga.

Pelo menos 17 pessoas foram hospitalizadas, uma delas em estado grave, e mais de uma centena foi assistida por contusões e ataques de ansiedade. Sete pessoas foram ainda detidas.
Sevilha Páscoa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)