Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Sismo de 5,9 assusta EUA

Um sismo de 5,9 na escala de Richter assustou ontem os norte-americanos da costa Leste do país, sobretudo na Virgínia, em Washington e Nova Iorque, levando à evacuação temporária de centenas de edifícios, incluindo a Casa Branca, o Capitólio e o Pentágono. Não havia registo de vítimas nem de danos materiais significativos.
24 de Agosto de 2011 às 00:30
Milhares de trabalhadores assustados abandonaram arranha-céus em Nova Iorque
Milhares de trabalhadores assustados abandonaram arranha-céus em Nova Iorque FOTO: Justin Lane/Epa

O epicentro do sismo foi na localidade de Mineral, na Virgínia, entre Charlottesville e Richmond, a cerca de 150 quilómetros da capital, Washington, onde este foi o sismo mais forte de sempre.

O abalo, que durou cinco segundos e foi sentido também em Toronto, no Canadá, levou milhares de trabalhadores a saírem para as ruas na capital norte-americana. "Tudo tremia. Foi realmente significativo", afirmou Larry Beach, surpreendido pelo abalo em pleno centro de Washington.

A Catedral de Washington e a embaixada do Equador sofreram danos ligeiros.

Em Nova Iorque, dezenas de arranha-céus foram evacuados e os trabalhos de construção do memorial do Ground Zero foram interrompidos.

Os aeroportos de Newark e JFK suspenderam todos os voos durante cerca de uma hora, para a realização de vistorias nas torres de controlo e também nas pistas, o mesmo acontecendo nas principais linhas ferroviárias e de metropolitano um pouco por toda a costa Leste dos Estados Unidos.

SISMO TERRAMOTO EUA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)