Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Sobrevivente da Covid-19 que sofre com efeitos prolongados da doença diz que só consegue cheirar "carne podre"

Mulher desenvolveu parosmia, uma condição que distorce os cheiros e os tornam desagradáveis.
Correio da Manhã 26 de Outubro de 2020 às 17:59
Chanda Drew
Chanda Drew
Chanda Drew
Chanda Drew
Chanda Drew
Chanda Drew
Chanda Drew é uma das sobreviventes da Covid-19 que sofre com os efeitos prolongados da doença- Se para uns os efeitos passam por dificuldades respiratórias, para outros o problema são os odores. 

Drew, de West Virginia, nos EUA, está livre da Covid-19 há seis meses, no entanto continua a sofrer visto ter desenvolvido parosmia em consequência do vírus. 

A condição caracteriza-se por distorcer os odores e o cérebro torna-se incapaz de detetar os odores naturas das coisas, por isso, Chanda só consegue sentir odor a carne podre, gasolina queimada e o vinho, que sempre foi um dos seus maiores prazeres sabe-lhe agora a "manteiga quente". 

Em consequência, Chanda já perdeu cerca de 15 quilos, visto não conseguir ingerir alimentos por sentir cheiros nauseabundos, sofre com uma depressão e ansiedade. 

De acordo com o jornal britânico Mirror, "
milhares de pessoas no Reino Unido e nos Estados Unidos sofreram de parosmia (sentido do olfato distorcido) ou parageusia (sentido do paladar distorcido) após contrair Covid-19".
Covid-19 Chanda Drew economia negócios e finanças desporto
Ver comentários