Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Sudão liberta todos os presos políticos

O presidente do Sudão, Omar al-Bashir, anunciou esta segunda-feira a libertação de todos os prisioneiros políticos no país.
1 de Abril de 2013 às 13:02

Esta decisão resulta dos acordos firmados recentemente com o vizinho Sudão do Sul.

"Anunciamos hoje a decisão de libertar todos os prisioneiros políticos e renovamos o nosso compromisso, perante as outras forças políticas, a favor do diálogo", disse al-Bashir num discurso na abertura da sessão parlamentar.

"Confirmamos que vamos continuar a dialogar com todas as forças políticas e sociais, sem exceções, incluindo os que estão armados, com vista a um diálogo nacional que trará uma solução para todas as questões", acrescentou o Presidente.

O anúncio surge no seguimento do convite ao diálogo, feito na semana passada pelo vice-presidente Ali Othmane Taha aos partidos da oposição e aos rebeldes que combatem o regime sudanês no Cordofão do Sul e na região do Nilo Azul, com vista a elaborar uma nova Constituição.

A aliança dos partidos da oposição e de rebeldes do SPLM-N, a fação do norte do Movimento Popular de Libertação do Sudão, rejeitaram o convite.

O anúncio surge também depois de o presidente ter anunciado, a 20 de março, que renunciará ao cargo em 2015, desistindo de se apresentar às eleições presidenciais desse ano.

sudão prisioneiros presos políticos omar al-bashir libertação
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)