Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Sunitas regressam ao comité constitucional

Os membros sunitas do comité encarregue de redigir a nova Constituição do Iraque decidiram pôr fim ao boicote contra este organismo, iniciado no passado dia 20 em protesto contra o assassinato de dois sunitas que participavam nos trabalhos, anunciou esta segunda-feira um elemento dos representantes sunitas.
25 de Julho de 2005 às 12:23
As partes estão também divididas sobre várias questões, nomeadamente sobre a forma de repartir o poder e os recursos em zonas como o Curdistão no Norte do País e no sul de maioria xiita, onde os líderes locais pretendem autonomia de Bagdad e o controlo dos recursos petrolíferos.
Após os assassínios de dois dos seus delegados, os membros sunitas, que representam 20 por centro da população iraquiana, uma minoria que dominou o país no regime de Saddam Hussein, exigiram maior segurança e uma investigação internacional aos assassínios.
De acordo com o previsto, o texto da nova Constituição iraquiana deveria estar preparado até 15 de Agosto, afim de ser submetido a referendado em Outubro. A participação sunita é importante para conseguir o apoio desta minoria, da parte da qual provém grande parte da oposição anti-EUA.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)