Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Suspensos agentes sul-africanos implicados na morte de taxista (COM VÍDEO)

O comissário da polícia da África do Sul anunciou esta sexta-feira a suspensão de oito polícias acusados de prenderem um motorista de táxi moçambicano na parte traseira de um carro e de o arrastarem até à morte.
1 de Março de 2013 às 09:21
Homem arrastado e espancado até à morte
Homem arrastado e espancado até à morte FOTO: D.R

Os oito agentes envolvidos neste caso que está a chocar o mundo foram suspensos e desarmados, e o comissário de Daveyton - localidade onde ocorreu a morte -­ foi destituído do cargo, informou o comissário Riah Phiyega em conferência de imprensa.

Na quinta-feira, o jornal sul-africano Daily Sun divulgou imagens captadas num vídeo amador, que mostravam Mido Macia, um cidadão moçambicano de 27 anos, a ser detido por agentes sul-africanos, após uma discussão sobre o estacionamento numa praça de táxis, em Daveyton, na província de Gauteng.

O corpo sem vida do taxista moçambicano, que foi arrastado algemado preso à traseira de um veículo e espancado até à morte, "foi encontrado às 09h15", noticiou o jornal.

Um inquérito sobre a morte do taxista moçambicano foi aberto, sendo que a autópsia revelou que Mido Macia morreu na sequência de ferimentos sofridos na cabeça, que lhe provocaram uma hemorragia interna fatal.

VÍDEO COM IMAGENS CHOCANTES

taxista moçambicano África do Sul homicidio Mido Macia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)