Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Tigres Tamil desafiam polícia

O grupo rebelde Tigres Tamil desafiaram, esta segunda-feira, a polícia do Sri Lanka a identificar dois rebeldes, detidos por suspeita de ligação ao assassinato do ministros dos negócios estrangeiros do país. As autoridades afirmam que os dois suspeitos pertencem àquele grupo rebeldes, mas os Tigres Tamil reiteram não ter qualquer ligação com a morte do governante.
29 de Agosto de 2005 às 15:08
A polícia deteve dois jovens Tamil, suspeitos de serem membros da organização Tigres Tamil, a quem é atribuída a autoria do plano de assassinato de Lakshman Kadirgamar, a 12 de Agosto último.
O antigo ministros dos Negócios estrangeiros foi morto a tiro, por um atirador, ou atiradores, que se encontram ainda por identificar. Esta morte reacendeu o receio entre os locais do regresso da violência gerada pela organização de libertação Tamil.
Em sua defesa, a organização Tamil rejeita as acusações por parte do governo de que aquele grupo seja o responsável pelo assassinato do governante e afirmam querer ver provado que os suspeitos detidos pertencem, de facto, à sua organização.
Em Colombo a crença é a de que foram de facto os Tigres Tamil os responsáveis pela morte de Kadirgamar, à semelhança do que já aconteceu com dezenas de opositores daquele grupo rebelde, abatidos a tiro desde o cessar-fogo estabelecido em 2002.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)