Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Transexual violada mais de duas mil vezes

‘Mary’ cumpriu pena em prisão masculina.
Natacha Nunes Costa 18 de Abril de 2016 às 15:03
'Mary' foi violada mais de duas mil vezes em prisões masculinas australianas
'Mary' foi violada mais de duas mil vezes em prisões masculinas australianas FOTO: Getty Images

Tudo aconteceu nos anos 90, mas só agora a transexual ‘Mary’ teve coragem de contar o terror que viveu durante quatro anos em prisões masculinas da Austrália.

Ao NY Post, ‘Mary’, condenada por ter roubado um veículo, contou que foi violada mais de duas mil vezes e agredida mais do que uma vez por dia.

Apesar de ter pedido várias vezes para trocar para uma prisão feminina, a transexual foi sempre transferida para prisões masculinas e em todas foi violada, sendo que foi na Boggo Road onde viviu momentos mais aterradores.

Por três vezes, ‘Mary’ tentou escapar deste "inferno" mas isso só fez com que fosse transferida para uma prisão de alto risco onde estão os prisioneiros mais perigosos do país.

Durante os quatro anos em que esteve presa foram-lhe negadas as hormonas que tomava, o que resultou no crescimento de pelos na face.

Mary garante na entrevista que nunca conseguiu recuperar deste trauma. "Não tenho nenhuma relação amorosa, não consigo confiar nos homens e nunca irei conseguir", afirma.

Mary transexual violação agressão prisão Austrália
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)