Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Três ex-futebolistas condenados a 38 anos de prisão por agressão sexual a adolescente

Caso ocorreu em 2017, em Espanha.
Lusa 12 de Dezembro de 2019 às 13:35
Justiça
Justiça FOTO: Getty Images
Três ex-jogadores de um clube de futebol da terceira divisão de Espanha, o Arandina Club, foram esta quinta-feira condenados a 38 anos de prisão, cada um deles, por agressão sexual contra uma menor de 15 anos, em 2017.

Carlos Cuadrado, Victor Rodriguez e Raul Calvo negaram ter cometido irregularidades e podem ainda recorrer da sentença.

Os três foram considerados pelo tribunal culpados da agressão levada a cabo num apartamento alugado em 2017, tendo argumentado no julgamento que não tiveram relações sexuais com ela e não sabiam que tinha 15 anos na altura.

Os condenados terão de indemnizar conjuntamente a vítima em 50.000 euros e estão proibidos de comunicar com ela durante dez anos.

A sentença considera que os três ex-futebolistas sabiam que a vítima tinha menos de 16 anos de idade, porque ia à escola de uniforme e a mãe da jovem e algumas testemunhas tinham-lhes dado conhecimento disso.

Espanha Arandina Club crime lei e justiça crime punição / sentença agressão adolescente violação
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)