Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Tribunal aprova indemnização recorde por fogos na Austrália

Os incêndios destruíram mais de duas mil casas e de 450 mil hectares em Victoria.
23 de Dezembro de 2014 às 06:53
Uma indemnização de 332,8 milhões de euros vai ser paga pelos danos dos incêndios de 2009
Uma indemnização de 332,8 milhões de euros vai ser paga pelos danos dos incêndios de 2009 FOTO: David Crosling/EPA

Um tribunal da Austrália aprovou esta terça-feira o pagamento de uma indemnização de 407 milhões de dólares (332,8 milhões de euros) pelos danos dos incêndios de 2009 no estado de Victoria, em que morreram 173 pessoas.

O fogo destruiu mais de duas mil casas e de 450 mil hectares em Victoria, no sudeste da Austrália.

A ação contra a distribuidora SP AusNet e os gestores de ativos da Utility Services Group foi apresentada depois de uma comissão governamental ter concluído que o fogo foi provocado por um cabo elétrico deteriorado.

A compensação, considerada a maior na história da Austrália neste tipo de casos, já tinha sido acordada entre as partes, incluindo a SP AusNet e o governo estatal, mas necessitava da ratificação do Tribunal Supremo de Victoria.

A SP AusNet, que aceitou pagar 307 milhões de dólares (cerca de 251 milhões de euros), indicou que o acordo foi alcançado sem que tenha sido admitida responsabilidade pela empresa e partes implicadas.

O Utility Services Group vai custear os outros dez milhões de dólares (8,1 milhões de euros), enquanto o governo de Victoria, que inclui a polícia e os bombeiros, vai assumir uns 84 milhões de dólares (68,7 milhões de euros).

A ação envolveu cerca de dez mil pessoas, incluindo os familiares de 119 pessoas mortas nestes incêndios, além de feridos e moradores que perderam as suas casas.

Austrália fogos incêndios
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)